Olhar interior

Mintel analisa as correntes globais em alimentos para 2018

Jenny Zegler: as escolhas terão que atender necessidadesnutricionais, físicas e emocionais. Referência no campo de inteligência de mercado, a Mintel capta as das tendências que irão impactar o mercado mundial de alimentos e bebidas neste ano. A especialista Jenny Zegler observa que, em 2018, a expectativa no plano do consumo é haver maior transparência e rastreabilidade disponível para todos, independentemente da renda. “Do medo de certos ingredientes às surpresas políticas, o autocuidado tornou-se uma prioridade para muitos e isso inclui a escolha de alimentos”, analisa ela. Oportunidades também serão abundantes para texturas naturais, sedutoras e inesperadas, que podem incluir de bebidas para mascar a biscoitos com doce que “estoura” na boca, complementa a executiva. Na entrevista a seguir, Zegler avalia correntes globais como a transparência total, práticas de autorrealização e novas sensações. DR – Do que trata a tendência da transparência total? Jenny – Na nova realidade de pós-verdades, os consumidores exigem transparência total das empresas de alimentos e bebidas. A desconfiança generalizada exerce pressão sobre os fabricantes para que ofereçam informações detalhadas e honestas. A necessidade de garantir a segurança e a confiabilidade de alimentos e bebidas levou a posicionamentos naturais, éticos e ambientais em escala global. Além de detalhes mais específicos, a próxima onda de rótulos limpos desafiará fabricantes e varejistas a democratizar a transparência e a rastreabilidade para que os produtos sejam acessíveis a todos os consumidores, independentemente da renda familiar. DR – Como as dietas se encaixam na corrente das práticas de autorrealização? Jenny – À

 

Para continuar lendo cadastre-se gratuitamente.

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.
Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo.

 

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
COMPARTILHAR
Matéria anteriorFicou ainda mais fofo
Próxima matériaO coelho mecânico