Volta às origens

Fabricante de biscoitos, massas, farinha de trigo, misturas para bolo, arroz, fubá e derivados de milho e trigo do Centro-Oeste brasileiro, o Grupo Dallas expande sua operação ao Rio Grande do Sul. Em acordo fechado no final de outubro com o conglomerado Francisco Stedile, fabricante de tratores, caminhões, motores, chassi de ônibus, empilhadeiras e implementos agrícolas da Serra Gaúcha, a empresa sul-mato-grossense adquiriu a Germani Alimentos e a Germani Cereais por valor não divulgado. Dyrlene portfólio de 180 produtos comercializados sob cinco marcas. Segundo Dyrlene Zorzo, diretora comercial da Dallas, a aquisição inclui as estruturas industrial e administrativa da Germani em Santa Cruz do Sul, além das marcas comercializadas pela Germani Alimentos. A empresa atua nos segmentos de massas e biscoitos, derivados de milho, de mandioca, de arroz e de centeio, cereais, aveias e granolas, entre outros. O portfólio reúne mais de 180 produtos comercializados sob as marcas Germani, Coroa, Filler, Sulina e Corsetti, distribuídas do Sul ao Sudeste do país, além de países do Mercosul e da África. De origem gaúcha, o Grupo Dallas está consolidado no Centro-Oeste do Brasil, onde opera um complexo para fabricação de massas, biscoitos e misturas para bolo, na cidade de Nova Alvorada do Sul. A aquisição da Germani, portanto, marca uma volta às origens. Além de administrar plantações de soja, trigo, milho, aveia, arroz, sorgo e cana de açúcar, o grupo tem forte atuação também no setor de pecuária. Recentemente, inaugurou uma fábrica de massas e biscoitos em Cabreúva, no interior de São

 

Para continuar lendo cadastre-se gratuitamente.

Conteúdo restrito a assinantes e cadastrados.
Se você já é usuário, faça login.
Novos usuários podem se cadastrar abaixo.

 

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório
COMPARTILHAR
Matéria anteriorExpansões à vista
Próxima matériaCrescimento na crise